Início Facebook Site E-mail

quarta-feira, 10 de abril de 2013

TENDÊNCIAS DAS MAQUIAGENS DOS DESFILES EUROPEUS - 2013



DEPURAMENTO É A PALAVRA CHAVE DA ESTAÇÃO E O GUIA PARA NOVOS CÓDIGOS DE MAQUIAGENS SUTIS, SEJAM ELAS ROMÂNTICAS , RETRÔS OU FUTURISTAS.


MINIMALISMO SOFT

TENDÊNCIA OBSERVADA EM: Alexander Wang, Vanessa Bruno, Blugirl, Jil Sander, Calvin Klein, Viktor & Rolf, Diesel, Balmain...

CONCEPÇÃO:
Tez perfeita, opção por uma representação espartana do ‘nude’. “A estética permanece clássica mas as texturas tornam-se mais leves, finas e maleáveis. A pele se torna uma tela luminosa e natural”, explica Tom Sapin. Inclusive pode-se optar pelo não uso de rímel nem sombras, apenas um bálsamo nos lábios.

A NOVIDADE : Em 2012 a cobertura da pele era super hidratada, usou-se muito creme para se obter um aspecto de glow quase molhado;  já em 2013, a tez se torna mais aveludada, mate, ligeiramente acetinada, em uma palavra: luxuosa.



O DETALHE QUE FAZ A DIFERENÇA :
Nos desfiles de Jason Wu, Burberry Prorsum e Barbara Bui, este esquema de pele é associado a um batom carmim mate para criar uma fórmula mais requintada do que a simplicidade do nude.

COMO USAR ?
Escolher uma base rica em minerais, hidratante, que não deve ser espalhada mas sim aplicada como se fosse um corretivo, da mesma forma como os pontilhistas pintavam suas telas, aconselha Tom Sapin.  Pode-se ainda usar o pó claro como se fosse um raio de luz, no alto das bochechas ou acima da sobrancelha.


  ROMANTISMO NEGRO

TENDÊNCIA OBSERVADA EM: Leonard, Mary Katrantzou, Roberto Cavalli, Zac Posen, Jean Paul Gautier, Gucci...


CONCEPÇÃO: sombra preta nos olhos, inclusive na primavera. Tendência romântica com pouca inspiração punk rock. A finalidade é proporcionar inocência ao rosto através da aplicação de sombras e lápis pretos usados com parcimônia. O rímel desaparece completamente dos desfiles, exceto se for utilizado como o único elemento da maquiagem, para criar cílios de bonecas ou hiper volumosos.

A NOVIDADE: Em 2012 a sobrancelha era a chave da maquiagem que se construía em torno desta. Nesta estação, a sobrancelha se torna mais discreta: ela enquadra o olhar, mas não está em primeiro plano. Ela ainda pode ser desenhada, porém de forma menos masculina.

O DETALHE QUE FAZ A DIFERENÇA: os lábios devem ser apagados com o uso de uma leve camada de pó ou base, para que o conjunto fique ainda mais delicado.

COMO USAR?
Optar por novos rímeis capazes de valorizar os cílios de forma leve e por khôls extremamente macios.


  INSPIRAÇÃO BRONZE

TENDÊNCIA OBSERVADA EM: Max Mara, Paul & Joe, Alberta Ferretti, Diane Von Furstenberg, Theyskens' Theory...

A CONCEPÇÃO : Um véu sépia exalta o rosto através do uso de uma paleta de marrons onde os dourados se mesclam aos cafés e ao mel lembrando uma atmosfera desértica. O beige sofisticado maquia o rosto com sofisticação e delicadeza.



A NOVIDADE : a tez torna-se mais sutil.

COMO USAR? Optar por produtos que deixem a tez com aspecto saudável, que permitirão começar a primavera com um pó claro que deverá ir sendo aquecido com tonalidades de pós mais quentes, no verão.


OVERDOSE DE RÍMEL

O rímel torna-se um verdadeiro acessório: durante as últimas fashion weeks internacionais, o rímel desapareceu da maior parte dos looks. Agora, quando ele é usado, é exclusivo e não compartilha seu lugar com mais nenhum outro produto de maquiagem.

COMO USAR: cílios  pata de aranha, desmesuradamente grandes, retrô ou românticos.



A tendência grunge está  presente através de cílios que quase ‘babam’. Multiplicam-se as camadas em cima e embaixo a fim de criar um efeito espesso.


    UNIVERSO POP

TENDÊNCIA  OBSERVADA em Marc Jacobs, Fendi, Versus, Pucci, Giles, Rochas, Missoni, Paul Smith, Issa, Dries Van Noten, Kenzo...

A CONCEPÇÃO : ‘Uma interpretação moderna e viva dos anos 1960, graças a novas texturas mais fáceis de serem manipuladas’,  resume a maquiadora de desfiles Charlotte Tilburry. Os MUA se inspiraram nos Swinging Sixties, sobretudo ao utilizarem uma paleta de cores primárias: cyan, magenta, amarelo... O grafismo da época foi aperfeiçoado, reatualizado. O trabalho com o lápis é feito de forma mais fina e precisa.



A NOVIDADE: A tendência color block torna-se over e apenas um elemento do rosto passa a ser o foco : a boca ou os olhos.

O DETALHE QUE FAZ A DIFERENÇA: Para acentuar o efeito retro, o look é acompanhado por um penteado ou corte de cabelo ‘petite tête’, como foi visto em Cacharel, Gautier ou Vuitton.

COMO USAR? Através de uma depuração máxima. Certos maquiadores utilizaram um batom flash pop art nos lábios das modelos, como o belíssimo vermelho alaranjado de Aquilano.


 A SUAVIDADE DO PRATA

TENDÊNCIA OBSERVADA em Issey Miyake, Chanel, Just Cavalli, Armani, Gianfranco Ferré, Castelbajac, Chloé, Carven, Alberta Ferretti...

A CONCEPÇÃO: O olhar com efeitos metálicos predominantemente prateados, mas também observaram-se algumas aparições acobreadas nas pálpebras. A cor é utilizada como um flash: os degradês estão over. As cores são aplicadas como barras sobre as pálpebras ou através de pochoirs. A combinação de cores deve criar um look puro, simples. Se for aplicado, o grafismo deve ser leve e delicado.



NOVIDADE: a sombra metálica foi usada de modo discreto, salvo pela marca Chanel. Criação de contrastes entre a pele ‘quente’ (aspecto caramelo) e uma cor fria, mate, como by Pucci.

O DETALHE QUE FAZ A DIFERENÇA: O rosto, o pescoço e os ombros devem ser mostrados, por isso os cabelos devem estar presos, para um efeito ‘clean’.  

COMO USAR: sombras claras para levantar o olhar, com um simples ponto de luz no canto dos olhos, como no desfile de Versace.



AS UNHAS -

TENDÊNCIA VISTA EM : Vivienne Westwood, Roland Mouret, Alexis Mabille, Issey Miyake.

Francesinha invertida,  desenho em V ou lateral, efeitos metalizados: o grafismo nas unhas continua em alta, mas são mais suaves nessa estação. Há a associação de esmaltes brancos com uma cor pop, usados em unhas curtas e arredondadas.

TRADUZIDO E ADAPTADO POR KRIS XIVA
 DA REVISTA  L´EXPRESS - BEAUTÉ  'STYLE' 

Nenhum comentário:

Postar um comentário