Início Facebook Site E-mail

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

TENDÊNCIA CORES 2014 - PANTONE



Após o reinado das cores « Tangerina Tango » em 2012 e « Esmeralda » no ano passado, o Instituto Pantone elegeu a cor deste ano: a Orquídea Radiante. Trata-se de um lilás que reinará durante doze meses e influenciará o mundo da moda, o da beleza e o do design.




Para determinar a cor do ano, Pantone estuda e mede a influencia das cores no universo do cinema, do divertimento, do mundo da arte, assim como os destinos mais procurados para viagens; consta que ainda levaria em conta o impacto dos futuros eventos esportivos.




O Instituto Pantone descreve a cor de 2014 como ‘cativante, mágica e encantadora’. É uma cor que nos convida a inovar de forma moderna e polivalente, encoraja nossa criatividade e originalidade. 







Uma tonalidade repleta de harmonias de magenta e violetas que inspiram a confiança. Suas emanações rosadas emitem alegria, amor e saúde.

domingo, 5 de janeiro de 2014

MAQUIAGEM ÁRABE OU MAQUIAGEM DAS MIL E UMA NOITES



Os olhos são o ‘reflexo da alma’, eles revelam a personalidade e a história de uma pessoa. Por causa disto, a maquiagem oriental árabe tem como característica principal a extrema valorização dos olhos. A finalidade desta maquiagem é a de alongar e aumentar ao máximo o contorno dos olhos, proporcionando-lhes uma aura sedutoramente mágica.

Podemos simplificar dizendo que esta maquiagem é 'Olho tudo e boca nada"!



PELE
Ainda que a pele esteja em segundo plano, ela deve ser unificada e luminosa. Pode ser feita com uma base ou apenas um pó que proporcione altíssima cobertura, mas deve ser de um tom mais claro do que a tez.

BLUSH
O blush sempre é escolhido em tons de laranja, bronze ou terracota, sendo que as cores rosadas nunca estão presentes.

LÁBIOS
Os lábios também são apagados, a escolha varia entre um batom nude ou vermelho-alaranjado claro ou ainda gloss transparentes.




OLHOS
Eis o ponto mais importante da maquiagem oriental. As sobrancelhas devem ser redesenhadas com um lápis próprio, geralmente um tom mais escuro do que a cor dos cabelos, o que lhes proporcionará um aspecto mais espesso e volumoso.

SOBRANCELHAS
Deve-se traçar um traço delimitando os contornos das sobrancelhas, sem portanto ultrapassar seus limites, e colorir levemente esta região, a fim de obter um resultado marcado e simétrico mas ainda assim natural.




CÍLIOS
As linhas dos cílios devem ser contornadas com um khôl. O traçado deverá ser arredondado e grosso, e deve seguir a forma dos olhos sem interrupção.

PÁLPEBRAS
Em seguida, as pálpebras e os cantos externos dos olhos devem ser maquiados, geralmente com sombra preta. Mas podem ser maquiados com sombras coloridas e pigmentos.  Enfim, pode-se colocar cílios postiços ou aplicar duas ou três camadas de rímel.



Traduzido e adaptado por Kris Xiva,  do Texto BEAUTÉ MAQUILLAGE ORIENTAL, redigido por  Rebecca LAZZERINI


O CASAMENTO MUÇULMANO


Quando resolvi fazer este post sobre casamento musulmano, eu já sabia que precisaria reunir uma montanha de informações e tentar resumi-las ao máximo para o post não ficar gigantesco. Então resolvi falar resumidamente em um post único alguns detalhes que nós, no Brasil, geralmente não conhecemos sobre este tipo de matrimônio.


O casamento sempre ocupou um lugar importantíssimo na civilização islâmica, pois a família é a base desta comunidade. O Alcorão encoraja o casamento e, para os islamistas, o casamento tem como objetivo a fundação de uma família. Do ponto de vista jurídico, o casamento tem como objetivo estabelecer filiações legítimas e alianças.

 Em todos os países de cultura árabe, a religião muçulmana prevalece, além disto, nos países ocidentais, onde há imigrantes árabes, a maior parte destes respeita,vive e se casa de acordo com a lei islâmica. Este post, portanto, abordará apenas o casamento árabe realizado de acordo com as regras muçulmanas.


As maquiagens libanesas são maravilhosas, a sobrancelha é bem definida e a maquiagem dos olhos acentuada, mas em alguns países árabes a maquiagem é praticamente descartada.
Um homem muçulmano tem o direito de se casar com uma mulher cristã ou judia, porém não pode se casar com uma ateia. Já a mulher muçulmana só pode se casar com um muçulmano.
Durante o casamento, o noivo deve oferecer um dote (anteriormente estabelecido) à noiva. O dote representa o quanto o noivo a ama e também sela o compromisso do matrimônio.

Véus de vários tipos, para todos os gostos
Casada ou não, a mulher muçulmana deve usar um véu (denominado Hijab) sobre a cabeça cada vez que sair de casa e isto a partir da puberdade.  O traje de noiva conterá obrigatoriamente este véu, acessório original que acentuará e distinguirá sua beleza. O Hijab será fixado no penteado da noiva com um pente. Na verdade, a dúvida nunca recairá sobre a escolha do penteado, mas sobre a escolha do véu, pois os cabelos de uma muçulmana não devem ser vistos por homens desconhecidos e estranhos à família próxima desta.


Os desenhos feitos com henna nas mãos e nos pés da noiva têm múltiplos significados. Para as noivas berberes, a henna tem o poder de transmitir força e coragem, além de proteger o casal do mau olhado e dos ciúmes. Para outros povos árabes, a henna é usada como uma maquiagem, para embelezar a mulher..

A tradição de cada país faz com que haja diversos tipos de cerimonias, frequentemente estas ocorrem na casa dos pais da noiva, mas podem ocorrer também na mesquita, sempre contando com a presença de um Íman (autoridade religiosa do islamismo) a da família e de amigos. Os homens sempre ficam separados das mulheres (os convidados masculinos ficam em um cômodo e as mulheres em outro e não se misturam).

Após leitura do alcorão e uma oração a Allah, o Iman pergunta ao pai da noiva se ele consente com o casamento, e pergunta ao noivo se ele aceita se casar. Para finalizar, novas orações e invocações são feitas para os recém-casados.


Após a cerimonia religiosa, a festa de casamento pode durar vários dias (até uma semana). Nos países muçulmanos, as festas ocorrem geralmente às quintas e sextas feiras e, na França, aos sábados e domingos. Homens e mulheres se divertem em cômodos separados. De acordo com o costume, as noivas devem trocar de roupa sete vezes.




Estas tradições geralmente são seguidas até hoje, mas não possuem caráter religioso. São apenas costumes adaptados ou não pelas famílias. 

Gostou? 


quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

PENTEADO DE NOIVA




Está procurando ideias para seu penteado de noiva ? Então você está no lugar certo. Garimpei pela internet, em diversos países, fotos de produções de noivas... 



Penteados mais clássicos, outros nem tanto, alguns arrojados... cabelos com ou sem mechas, tiaras, tranças...  tendências românticas ou modernas, enfim diversas ideias para este grande dia! Aqui com certeza o que não falta é inspiração!




O penteado de noiva é tão importante quanto a maquiagem e o vestido. Um penteado bem feito é capaz de valorizar ainda mais o figurino, por isto a escolha deste é extremamente importante. O cabeleireiro não deve impor seu próprio estilo ou a moda vigente mas sim procurar saber o que a noiva deseja e adequar o penteado idealizado por ela à sua morfologia e estilo. O profissional deve também ser capaz de adaptar os penteados tradicionais, acrescentando uma pitada de criatividade, frescor e modernidade.









NOIVAS TRADICIONAIS: geralmente optam por coques XXL ou entrelaçados
NOIVAS ROMANTICAS: apreciam tranças e coques torcidos

NOIVAS ROCKERS: moicanos altos e ranças readaptadas de diversas maneiras