Início Facebook Site E-mail

domingo, 5 de janeiro de 2014

MAQUIAGEM ÁRABE OU MAQUIAGEM DAS MIL E UMA NOITES



Os olhos são o ‘reflexo da alma’, eles revelam a personalidade e a história de uma pessoa. Por causa disto, a maquiagem oriental árabe tem como característica principal a extrema valorização dos olhos. A finalidade desta maquiagem é a de alongar e aumentar ao máximo o contorno dos olhos, proporcionando-lhes uma aura sedutoramente mágica.

Podemos simplificar dizendo que esta maquiagem é 'Olho tudo e boca nada"!



PELE
Ainda que a pele esteja em segundo plano, ela deve ser unificada e luminosa. Pode ser feita com uma base ou apenas um pó que proporcione altíssima cobertura, mas deve ser de um tom mais claro do que a tez.

BLUSH
O blush sempre é escolhido em tons de laranja, bronze ou terracota, sendo que as cores rosadas nunca estão presentes.

LÁBIOS
Os lábios também são apagados, a escolha varia entre um batom nude ou vermelho-alaranjado claro ou ainda gloss transparentes.




OLHOS
Eis o ponto mais importante da maquiagem oriental. As sobrancelhas devem ser redesenhadas com um lápis próprio, geralmente um tom mais escuro do que a cor dos cabelos, o que lhes proporcionará um aspecto mais espesso e volumoso.

SOBRANCELHAS
Deve-se traçar um traço delimitando os contornos das sobrancelhas, sem portanto ultrapassar seus limites, e colorir levemente esta região, a fim de obter um resultado marcado e simétrico mas ainda assim natural.




CÍLIOS
As linhas dos cílios devem ser contornadas com um khôl. O traçado deverá ser arredondado e grosso, e deve seguir a forma dos olhos sem interrupção.

PÁLPEBRAS
Em seguida, as pálpebras e os cantos externos dos olhos devem ser maquiados, geralmente com sombra preta. Mas podem ser maquiados com sombras coloridas e pigmentos.  Enfim, pode-se colocar cílios postiços ou aplicar duas ou três camadas de rímel.



Traduzido e adaptado por Kris Xiva,  do Texto BEAUTÉ MAQUILLAGE ORIENTAL, redigido por  Rebecca LAZZERINI


Um comentário: