Início Facebook Site E-mail

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

OS PRIMEIROS SALÕES DE BELEZA



O conceito moderno de salão de beleza foi desenvolvido por uma  canadense,  Martha Matilda Harper (1857-1950),que também inventou o atual conceito de franchising nos negócios. Em 1882, ela se mudou para Nova York, onde começou a fabricar um tônico natural para os cabelos. Com os primeiros 360 dólares que economizou, deu início a uma carreira inteligente de empresária, baseada em um marketing ativo e um grande senso de inovação. Assim, abriu seu primeiro salão de beleza público, usando o slogan “A saúde é a beleza”. 

 

Com este slogan ela deixou claro que não enfatizava a ideia de vaidade mas sim insistia na importância da boa saúde, pois esta refletiria uma imagem harmônica. Ela também estudou,com professores particulares, a arte da fala elegante e boas maneiras. Usava o cabelo longo e brilhante para atrair clientes. Dentre suas contribuições está também a invenção do lavatório de cabelos. Em uma época em que as mulheres cuidavam dos cabelos em casa ,com a ajuda de empregados ou cabeleireiros que atendiam a domicilio, Martha abriu seu salão especialmente para as mulheres de Rochester, o ‘Harper’s Salon’, que obteve imediatamente grande sucesso.




Quando outras mulheres desejaram se lançar no mesmo tipo de negócio, ela lhes propôs um contrato de franchising e escolas de beleza que ensinavam o método ‘Harper’s’. Os contratos incluíam a cláusula, segundo a qual ,todos os salões deveriam comprar os produtos exclusivamente em seu salão.
Martha também estabeleceu os métodos de contratação e formação de pessoal. No final do século seguinte, já contava com cerca de 200 salões abertos nos EUA e, em 1920, mais de 500, incluindo as franquias da Alemanha e Escócia.

Traduzido e adaptado por Kris Xiva

Revisão: Cláudia Inês

Nenhum comentário:

Postar um comentário